Dor na Coluna e Qualidade de Vida

 

Muitas condições da coluna lombar estão inter-relacionadas. Por exemplo, a instabilidade das juntas pode levar à degeneração do disco, que por sua vez pode exercer pressão sobre as raízes do nervo, etc.

As causas mais comuns de dor na coluna lombar são:

  • Problemas musculares

A causa mais comum da dor lombar é a tensão muscular ou outros problemas musculares. A tensão devido ao levantamento de peso, flexão ou outro uso árduo ou repetitivo pode ser bastante dolorosa, mas as cepas musculares geralmente se curam dentro de alguns dias ou semanas.

  • Discos degenerados

Os discos intervertebrais são almofadas cartilaginosas que atuam como amortecedores entre cada uma das vértebras da coluna vertebral lombar (como um coxim das peças mecânicas de um carro). A degeneração do disco pode criar dor no espaço entre as vértebras. Esta condição pode ser referida com muitos termos diferentes - aqui no nosso website nós chamaremos de "doença degenerativa do disco intervertebral".

  • Hérnia do disco lombar

As hérnias do disco intervertebral são mais comuns na coluna lombar. Uma hérnia de disco pode ocorrer de repente devido a lesões ou levantamento de peso ou ocorre lentamente como parte do desgaste geral na espinha dorsal. A dor nas pernas (dor do nervo ciático ou esquiático) é o sintoma mais comum de uma hérnia de disco. Vale lembrar que há uma diferença entre uma "protusão discal" e uma hérnia discal propriamente dita.

  • Doença da Articulação Sacroilíaca

A articulação sacroilíaca, que se conecta com o fundo da coluna lombar e a parte superior do côncavo, pode causar dor lombar e/ou dor ciática se houver algum tipo de disfunção na articulação que permita demais movimentos ou restrinja o movimento normal.

  • Espondilolistese

A espondilolistese ocorre quando uma vértebra desliza para a frente sobre a que está abaixo dela. O deslizamento geralmente ocorre nas vértebras lombares inferiores (por exemplo, L4-L5 ou L5-S1). Se a vértebra escorregada comprime a raiz do nervo nesse nível, pode resultar em dor nas pernas e possivelmente dor no pé.

  • Osteoartrite

A osteoartrite na parte inferior das costas é às vezes chamada artrite das articulações facetárias (ou osteoartrite interfacetária). O envelhecimento e o desgaste podem fazer com que a cartilagem que cobre as articulações das facetas na parte de trás da coluna vertebral se torne desgastada e áspera. O excesso de fricção pode produzir esporões ósseos e inchaço das articulações que causam inchaço, pressão sobre o nervo e limitação dos movimentos.

  • Estenose Lombar

O estreitamento do canal da coluna vertebral ou dos canais radiculares (lacunas onde as terminações nervosas passam quando saem da coluna vertebral) pode fazer com que as extremidades nervosas sejam espremidas, resultando em dor nas pernas, formigamento, dormência e até dificuldade em caminhar. Este estreitamento é muitas vezes o resultado de esporões ósseos e inchaço articular da osteoartrite - o que popularmente chamamos de "bico-de-papagaio".


O nervo ciático (ou esquiático), que se estende da parte inferior das costas para baixo de cada perna até o pé, pode ficar comprimido ou irritado de qualquer das condições acima, muitas vezes resultando em uma dor ardente e/ou sensação de formigamento na parte de trás da perna e, possivelmente, no pé. O termo comum para descrever este tipo de dor nas pernas é ciática e esta dor frequentemente acontece uma uma só das pernas.

 

add
Avalie este item
(0 votos)
Ler 620 vezes Última modificação em Terça, 05 Setembro 2017 01:16
Publicado em GRID1
каталог фаберлик на сайте faberllena.ru
народная медицина

Deixe um comentário